ARTISTA CRIA OBRAS COM LIXO ELETRÔNICO

Quando qualquer equipamento eletrônico perde sua utilidade, a maioria (que pode até ser tóxico) vira lixo comum. Entretanto as industrias tem começado a olhar com mais cuidado para esse tipo de resíduo, mas esses materiais já são reutilizados há um bom tempo como arte. Com o lixo eletrônico da Coopermiti, o artista plástico Marcos Sachs transformou “sucata” em obra de arte.

Todos os materiais se transformaram em esculturas, painéis e no retrato do escritor francês, Michel Houellebecq. “Acredito que a arte seja uma ferramenta especialmente útil na conscientização de várias causas da maior importância, como é a da reciclagem”, afirma o artista.

Sobre o material escolhido, Sachs afirma que foi levado pela curiosidade. “Além do aspecto da preservação ambiental, o que também me atraiu para a reutilização de materiais descartados foi a curiosidade que tinha para certas experimentações em pintura figurativa, buscando substituir a tinta tradicional por objetos coloridos. Algo intermediário, entre pintura e instalação”, conta.

Author:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

wpChatIcon